Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Sinpuc colhe frutos de ação sindical de comunicação realizada no Dia do Servidor

Entidade usou carro de som e redes sociais para convocar sociedade à luta contra a PEC/32

Escrito por: Déborah Lima • Publicado em: 29/10/2020 - 19:45 • Última modificação: 29/10/2020 - 20:01 Escrito por: Déborah Lima Publicado em: 29/10/2020 - 19:45 Última modificação: 29/10/2020 - 20:01

. Cícera Batista (esq) é presidenta do Sinpuc e secretária de Comunicação da Confetam/CUT

No Dia dos Servidores Públicos, celebrado na última quarta-feira (28), o  Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curimataú e Seridó (Sinpuc) colocou o carro de som para rodar nas ruas de todas as cidades base da entidade com o objetivo de esclarecer a sociedade da região sobre os impactos da proposta de Reforma Administrativa do desgoverno Bolsonaro (PEC 32/20).

Além de parabenizar os servidores públicos, o Sinpuc também aproveitou a data para promover nas redes sociais um debate virtual com os trabalhadores e a população sobre os efeitos devastadores da PEC 32/20 para os municípios, momento em que a entidade reforçou a convocatória à população para lutar, junto com o sindicato e os servidores municipais, pela garantia dos serviços públicos e contra as privatizações.

Sindicato denuncia desmanche de políticas públicas

“Nós fizemos a denúncia à sociedade, alertamos para o desmanche das políticas públicas e os riscos de privatização dos serviços. Foi bem interessante porque, com certeza, alcançamos não só os servidores públicos, mas também a sociedade, que pensa que não será atingida pelas deformações do presidente da República. Todos ficaram cientes das perdas com a privatização dos serviços”, afirmou a presidenta do Sinpuc e secretária de Imprensa e Comunicação da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Cícera Batista.

Como um exemplo concreto da importância dos serviços públicos, a dirigente citou os prestados pelos servidores da área da saúde que, embora ainda sejam precários, esses serviços fizeram e ainda estão fazendo toda a diferença na pandemia. “Se não existisse o SUS, com certeza a mortandade de seres humanos seria bem maior. Graças aos serviços públicos prestados pelos servidores, ainda temos eficiência com relação a outros países, e a gente percebe o quanto o SUS é importante. Então, estamos aqui ainda colhendo os frutos da mobilização de ontem e temos certeza de que atingimos o maior número de pessoas da sociedade”, comemorou a presidenta do Sinpuc.

Com informações do Sinpuc

Título: Sinpuc colhe frutos de ação sindical de comunicação realizada no Dia do Servidor, Conteúdo: No Dia dos Servidores Públicos, celebrado na última quarta-feira (28), o  Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curimataú e Seridó (Sinpuc) colocou o carro de som para rodar nas ruas de todas as cidades base da entidade com o objetivo de esclarecer a sociedade da região sobre os impactos da proposta de Reforma Administrativa do desgoverno Bolsonaro (PEC 32/20). Além de parabenizar os servidores públicos, o Sinpuc também aproveitou a data para promover nas redes sociais um debate virtual com os trabalhadores e a população sobre os efeitos devastadores da PEC 32/20 para os municípios, momento em que a entidade reforçou a convocatória à população para lutar, junto com o sindicato e os servidores municipais, pela garantia dos serviços públicos e contra as privatizações. Sindicato denuncia desmanche de políticas públicas “Nós fizemos a denúncia à sociedade, alertamos para o desmanche das políticas públicas e os riscos de privatização dos serviços. Foi bem interessante porque, com certeza, alcançamos não só os servidores públicos, mas também a sociedade, que pensa que não será atingida pelas deformações do presidente da República. Todos ficaram cientes das perdas com a privatização dos serviços”, afirmou a presidenta do Sinpuc e secretária de Imprensa e Comunicação da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Cícera Batista. Como um exemplo concreto da importância dos serviços públicos, a dirigente citou os prestados pelos servidores da área da saúde que, embora ainda sejam precários, esses serviços fizeram e ainda estão fazendo toda a diferença na pandemia. “Se não existisse o SUS, com certeza a mortandade de seres humanos seria bem maior. Graças aos serviços públicos prestados pelos servidores, ainda temos eficiência com relação a outros países, e a gente percebe o quanto o SUS é importante. Então, estamos aqui ainda colhendo os frutos da mobilização de ontem e temos certeza de que atingimos o maior número de pessoas da sociedade”, comemorou a presidenta do Sinpuc. Com informações do Sinpuc



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.