Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Prefeitura de São Bernardo do Campo (SP) desrespeita trabalhadores, população e até os mortos!

Há falta de pessoal no Cemitério do Baeta, trabalhadores não têm EPIs, túmulos estão alagados, colocando em risco o lençol freático, sem falar nos assaltos durante os velórios

Escrito por: SindservSBC • Publicado em: 08/12/2017 - 14:25 • Última modificação: 08/12/2017 - 14:36 Escrito por: SindservSBC Publicado em: 08/12/2017 - 14:25 Última modificação: 08/12/2017 - 14:36

. .

Em 22 de agosto, publicamos matéria denunciando as péssimas condições de trabalho, a inundação de túmulos, os riscos de contaminação, que afetaria toda a população, e a falta de segurança no Cemitério do Baeta. Diretores do Sindicato dos Servidores Municipais de São Bernardo do Campo (SP) e a técnica de segurança no trabalho estiveram no local e constataram que há sobrecarga de trabalho, em virtude da falta de pessoal; total insegurança para os trabalhadores, pela falta de Equipamentos de Proteção Individual;  violência contra trabalhadores e munícipes, com a ocorrência de assaltos, furtos e arrastões nas dependências do cemitério e uma situação gravíssima de risco à saúde pública: túmulos inundados, que poderiam contaminar o lençol freático e atingir toda a população.

Foi encaminhado ofício à SU – Secretaria de Serviços Urbanos – e resposta, mais de dois meses depois, é de que AS OBRAS PREVISTAS NO ORÇAMENTO DE 2017 NÃO FORAM EXECUTADAS POR FALTA DE VERBA.

Novamente, questionamos a Administração: quais são as suas prioridades? É esta cidade que teremos por mais três anos? Uma cidade que desrespeita e humilha os servidores, que coloca milhares de cidadãos em risco de contaminação, que não respeita a dor e o luto de famílias que não podem velar seus entes queridos por falta de segurança, que não respeita os corpos de cidadãos que foram enterrados ali, contrariando todas as normas de cuidado previstas nas mais variadas religiões e até nas leis internacionais?

Teremos que viver esta “gestão” que tem como prioridade absoluta a autopromoção do prefeito e o incansável discurso de campanha eleitoral?

Prefeito, o senhor foi eleito para resolver os problemas da cidade, não para ficar repetindo o discurso de que a culpa de tudo é de terceiros, nem para consumir o dinheiro público apenas em marketing.

Tá na hora de trabalhar!

Título: Prefeitura de São Bernardo do Campo (SP) desrespeita trabalhadores, população e até os mortos!, Conteúdo: Em 22 de agosto, publicamos matéria denunciando as péssimas condições de trabalho, a inundação de túmulos, os riscos de contaminação, que afetaria toda a população, e a falta de segurança no Cemitério do Baeta. Diretores do Sindicato dos Servidores Municipais de São Bernardo do Campo (SP) e a técnica de segurança no trabalho estiveram no local e constataram que há sobrecarga de trabalho, em virtude da falta de pessoal; total insegurança para os trabalhadores, pela falta de Equipamentos de Proteção Individual;  violência contra trabalhadores e munícipes, com a ocorrência de assaltos, furtos e arrastões nas dependências do cemitério e uma situação gravíssima de risco à saúde pública: túmulos inundados, que poderiam contaminar o lençol freático e atingir toda a população. Foi encaminhado ofício à SU – Secretaria de Serviços Urbanos – e resposta, mais de dois meses depois, é de que AS OBRAS PREVISTAS NO ORÇAMENTO DE 2017 NÃO FORAM EXECUTADAS POR FALTA DE VERBA. Novamente, questionamos a Administração: quais são as suas prioridades? É esta cidade que teremos por mais três anos? Uma cidade que desrespeita e humilha os servidores, que coloca milhares de cidadãos em risco de contaminação, que não respeita a dor e o luto de famílias que não podem velar seus entes queridos por falta de segurança, que não respeita os corpos de cidadãos que foram enterrados ali, contrariando todas as normas de cuidado previstas nas mais variadas religiões e até nas leis internacionais? Teremos que viver esta “gestão” que tem como prioridade absoluta a autopromoção do prefeito e o incansável discurso de campanha eleitoral? Prefeito, o senhor foi eleito para resolver os problemas da cidade, não para ficar repetindo o discurso de que a culpa de tudo é de terceiros, nem para consumir o dinheiro público apenas em marketing. Tá na hora de trabalhar!



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.