Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

CUT convoca dirigentes para barrar golpe da terceirização

Manifestação de sindicalistas na Câmara Federal, na próxima terça-feira (7/3), pretende impedir votação de projeto que libera a terceirização

Escrito por: Sergio Alli • Publicado em: 03/03/2017 - 18:55 • Última modificação: 07/03/2017 - 15:23 Escrito por: Sergio Alli Publicado em: 03/03/2017 - 18:55 Última modificação: 07/03/2017 - 15:23

. .

A direção nacional da Central Única dos Trabalhadores convocou sindicalistas de todo o Brasil a participarem de uma grande mobilização em Brasília na próxima terça-feira (7) para barrarem a tentativa de golpe contra a CLT contida no PL 4.302/1998. Segundo nota assinada pelo presidente e pelo secretário-geral da CUT, Vagner Freitas e Sérgio Nobre", esse PL libera os empresários para adotarem a terceirização de forma ilimitada, inclusive em suas atividades-fim, "provocando uma verdadeira violência contra os trabalhadores e trabalhadoras já registrados e rebaixando os salários e os benefícios para os que serão contratados". Outra proposta que faz parte do projeto é a anistia para as empresas de multas por desrespeito à CLT.

A concentração dos sindicalistas, na terça-feira, dia 07, começa às 14 horas e terá como base a Tenda do Sindsef-DF, instalada entre os Blocos C e D da Esplanada dos Ministérios.O secretário-geral da CUT-DF, Rodrigo Rodrigues, está atuando como referência da organização dos CUTistas para realizar uma grande manifestação no Congresso Nacional.

Foram convocados todos os sindicatos, federações, confederações, ramos e CUTs estaduais para enviarem dirigentes e militantes para Brasília, acompanhando a direção da Central. Ao mesmo tempo que atua em Brasília, a liderança CUTista não vai permitir que a iniciativa diversionista dos golpistas afete a mobilização nacional das mulheres, no 8 de março. Por isso, a CUT vai atuar em duas ações. Enquanto uma parte dos sindicalistas vai a Brasília, a outra vai fortalecer as manifestação das mulheres nas capitais, nas quais deverá ser denunciada mais este retrocesso tentado pelos golpistas.

Título: CUT convoca dirigentes para barrar golpe da terceirização, Conteúdo: A direção nacional da Central Única dos Trabalhadores convocou sindicalistas de todo o Brasil a participarem de uma grande mobilização em Brasília na próxima terça-feira (7) para barrarem a tentativa de golpe contra a CLT contida no PL 4.302/1998. Segundo nota assinada pelo presidente e pelo secretário-geral da CUT, Vagner Freitas e Sérgio Nobre, esse PL libera os empresários para adotarem a terceirização de forma ilimitada, inclusive em suas atividades-fim, provocando uma verdadeira violência contra os trabalhadores e trabalhadoras já registrados e rebaixando os salários e os benefícios para os que serão contratados. Outra proposta que faz parte do projeto é a anistia para as empresas de multas por desrespeito à CLT. A concentração dos sindicalistas, na terça-feira, dia 07, começa às 14 horas e terá como base a Tenda do Sindsef-DF, instalada entre os Blocos C e D da Esplanada dos Ministérios.O secretário-geral da CUT-DF, Rodrigo Rodrigues, está atuando como referência da organização dos CUTistas para realizar uma grande manifestação no Congresso Nacional. Foram convocados todos os sindicatos, federações, confederações, ramos e CUTs estaduais para enviarem dirigentes e militantes para Brasília, acompanhando a direção da Central. Ao mesmo tempo que atua em Brasília, a liderança CUTista não vai permitir que a iniciativa diversionista dos golpistas afete a mobilização nacional das mulheres, no 8 de março. Por isso, a CUT vai atuar em duas ações. Enquanto uma parte dos sindicalistas vai a Brasília, a outra vai fortalecer as manifestação das mulheres nas capitais, nas quais deverá ser denunciada mais este retrocesso tentado pelos golpistas.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.